1/18/2007

PILARES DO ROMANTISMO

SOUSÂNDRADE - Tendo surgido no Brasil em meados do século XIX, o Romantismo se assemelhou em muitos pontos à produção européia oitocentista, mas apresentou também características próprias como a temática indianista e a presença da exuberante natureza tropical (palmeiras, sabiás, verdes matas etc.).
Todavia, mais extravagante é o registro, no Maranhão, de um poeta totalmente à parte dos demais: Joaquim de Sousa Andrade (1832-1902) ou simplesmente Sousândrade, como queria ser chamado, e que passou quase despercebido a seus contemporâneos. Não fosse a pesquisa feita por Augusto e Haroldo de Campos e publicada em 1964, até hoje estaríamos talvez sem conhecer aquele que foi denominado um “terremoto clandestino”, tal a natureza de sua obra moderna, instigadora e vanguardista.
Posteriormente à 1ª, saiu uma 2ª edição, mas recentemente a Editora Perspectiva [(11)-3885-8388] reeditou Re visão de Sousândrade, com estudos acompanhando uma antologia do autor, resultando em belíssima e completa obra. Me lembro, quando da publicação da 1ª edição, de algumas críticas que davam a descoberta como fora de tempo, apontando para a irrelevância de poemas que não foram lidos na época de sua feitura.
Hoje, com o advento de novas teorias literárias, a herança de Sousândrade assume maior importância para a literatura e este autor já tem um lugar de destaque na galeria dos escritores essenciais do Brasil.

SOBRE O ROMANTISMO - Uma visão sincrônica da literatura romântica nos oferece Introdução ao Romantismo, seleta de textos organizada pelo crítico e professor José Luiz Jobim em que cinco professores universitários desenvolvem os temas: Nacionalismo, por Maria Helena Rouanet; História, João César de Castro Rocha; Língua, Ana Lúcia Henriques; Crítica, Regina Zilberman; e Subjetivismo, José Luiz Jobim.
Além de pertinentes e vitais no âmbito do panorama brasileiro, os assuntos – nas variadas linhas apresentadas – se entrelaçam, à medida que cada texto se desenvolve, para dar ao leitor uma noção tão abrangente quanto particular do Romantismo.
O livro, em formato econômico e a preço acessível, faz parte da série “Ponto de Partida” editada pela EdUerj [(21)-25877788], e constitui, pela argúcia e propriedade das interpretações, material de informação de primeira qualidade para estudantes e professores de literatura.

4 comentários:

Moacy disse...

Caríssimo Joaquim: Parabéns pelo novo blogue, antes de mais nada. Decerto serei um leitor constante. Um grande abraço.

Marcia Meireles disse...

Joaquim, muito bons os textos do seu blog. Serei uma visitante assídua, pois sabe que sou sua fã. Obrigada por me convidar. Como vai nossa bela cidade? Sinto saudades daí. Forte abraço.

Ricardo Alfaya disse...

Oi Joaquim,

Parabéns pelo novo blog. Belos visuais e textos.

Um grande abraço,
Ricardo Alfaya

Geraldo disse...

Parabéns Joaquim,
Muito oportuno a criaçao deste blog, está muito interessante, apesar de estar no início, mas com grande potencial, assim como tudo q vc faz,
abrçs e sucesso...